22/07/2021 às 13h24min - Atualizada em 02/08/2021 às 00h00min

Entenda a importância da persona para um negócio

Por que é importante se ter uma persona?

SALA DA NOTÍCIA Victor Augusto de Alencar
Freepik

Quando uma empresa deseja, realmente, falar e interagir com as pessoas certas, ela precisa, antes, entender a importância da persona, bem como o que significa o conceito. Afinal, é a partir disso que se torna possível vender mais e melhor as soluções.

Quem lança um produto no mercado precisa, antes de qualquer coisa, saber quem são seus potenciais compradores. Precisa conhecer a fundo os seus clientes, de modo a otimizar os resultados e investir em estratégias de marketing mais assertivas.

A empresa precisa saber e definir aquilo que pretende alcançar como marca. É assim que saberá para quem produz seus conteúdos, com quem ela vai se comunicar, as pessoas que vai entreter, e os leads que quer educar e converter.

Se não houver essa definição ampla, os potenciais clientes não vão se identificar com a marca. É importante lembrar que estamos em um mercado cada vez mais competitivo, então, não basta saber apenas a idade e o gênero do consumidor.

Nem mesmo saber a sua localização é suficiente, e isso é ainda mais evidente quando a organização atende a um nicho muito específico. É por essa razão, que se torna necessário criar uma persona.

Neste artigo, vamos explicar o seu conceito e mostrar sua importância para qualquer tipo de negócio. Vamos lá!

O que é persona?

Persona é uma representação semi-fictícia do cliente ideal de uma marca, que reúne as características predominantes do público-alvo, de maneira aprofundada. Também é conhecida como avatar ou buyer persona.

Ademais, também são consideradas características demográficas e comportamentais do público. Uma persona bem elaborada reúne características, como:

  • Nome;
  • Idade;
  • Sexo;
  • História pessoal;
  • Motivações;
  • Objetivos de vida;
  • Desafios;
  • Preocupações.

Esses dados são obtidos por, por exemplo, um fabricante de gorro cirúrgico, bem como qualquer outra companhia, por meio de pesquisas realizadas durante a elaboração da persona.

Com ela, é possível ter uma ideia mais próxima da realidade sobre quem são os clientes em potencial, o que eles procuram e quais são suas dores.

É assim que se desenvolve soluções de acordo com suas necessidades, bem como que melhora a jornada de compra. Quando o conceito de persona é definido, algumas pessoas continuam a acreditar que ela tem o mesmo conceito de público-alvo, o que não é verdade.

A persona é uma definição muito mais detalhada, que possui informações mais aprofundadas sobre o cliente, e que pode criar situações para esse personagem; enquanto o público-alvo é algo mais generalista.

O público-alvo considera características mais abrangentes de um grupo de pessoas, como idade, escolaridade, localização, faixa salarial, profissão e classe social. Um exemplo de público-alvo é: homens e mulheres, de 20 a 40 anos, empreendedores ou que desejam empreender.

Agora, um exemplo de persona é: André, 37 anos, classe média, mora em Hortolândia, trabalha em uma multinacional desde os 19 anos, quer começar uma faculdade e procura as melhores opções a distância.

Esses são exemplos de como o público-alvo e a persona são definidos pelas empresas, como uma loja de acessórios pet atacado. Agora que o conceito está muito mais claro, no próximo tópico, vamos falar um pouco sobre a importância de criar uma persona.

Por que a persona é importante?

Quando uma empresa coloca o seu produto ou serviço no mercado, precisa entender quem são seus potenciais clientes e como vai se comunicar com eles.

Definir uma persona é importante porque, por meio dela, os esforços em direção às pessoas que realmente podem se interessar são centralizados, e com isso é possível reduzir os custos nos processos de comunicação.

O ideal é que toda estratégia de Marketing Digital tenha como base as características de uma persona. É assim que a comunicação é direcionada, bem como que são gerados bons resultados.

E não importa se você vai trabalhar com estratégias inbound ou outbound. No caso do outbound, tratamos de uma comunicação mais genérica, com o objetivo de alcançar um número maior de pessoas.

Ao trabalhar com esse tipo de marketing, um fabricante de ração para gado, por exemplo, terá um pouco mais de dificuldade para medir e analisar os resultados gerados, mas por meio das ferramentas certas, é possível no que tange às ações na internet.

Por outro lado, no inbound e junto com uma persona bem definida, o ideal é usar os canais mais adequados, tendo como base quantas pessoas interagiram e qual a consequência dessas interações.

Ademais, é possível ajustar e controlar o que não estiver adequado, além de remanejar certas ações e processos, claro, se isso for necessário.

Por meio de muita pesquisa, um fabricante de dispenser de ração, por exemplo, saberá muito mais sobre a sua persona, o que ajuda a estabelecer uma comunicação ainda mais objetiva em todas as etapas do funil de vendas.

Se você quer criar conteúdos que colaborem com as suas estratégias de relacionamento e interação com o lead, precisa saber quais são seus desafios, medos, angústias e motivações.

As redes sociais são ótimas plataformas para o estudo da persona, pois elas mostram se a sua persona é uma pessoa conservadora ou extrovertida, o que ela escreve em suas publicações, outras redes que utilize, dentre outras informações.

No que diz respeito à vida profissional de seus leads, um escritório de contabilidade para ong pode descobrir qual é o grau de influência do lead, seu cargo, como é sua rotina, que ferramenta utiliza no dia a dia, sua formação e objetivos profissionais.

Também é importante saber em qual empresa trabalha, seu segmento e tipologia, dentre outras possibilidades. O objetivo é encontrar pontos nos quais o seu negócio é capaz de ajudar essas pessoas.

Podemos dizer que a construção de persona é como um trabalho de detetive, que pode levar muito tempo para ser concluído, mas depois, tende a facilitar as estratégias.

Por exigir muita dedicação, estudo e pesquisa para ser desenvolvida, algumas empresas acabam desistindo de criarem sua persona. Só que isso pode levar a perdas diárias de oportunidades de negócio.

Ademais, uma empresa, como um fabricante de produtos e materiais de limpeza, pode ter mais de uma persona, e isso faz com que ela atenda a uma gama maior de problemas e necessidades, fazendo com que mais pessoas saibam sobre ela.

Saber quem é seu público-alvo é o primeiro passo para identificar quem são os consumidores da marca, feito isso, é preciso se aprofundar no conhecimento sobre eles, criando a persona do negócio.

Mas como já foi dito, a persona traz características mais aprofundadas do perfil de cliente ideal, e isso leva o negócio a enxergar, de maneira clara, as dores de seus clientes.

A partir disso, os conteúdos são direcionados para a persona, e os produtos e serviços são desenvolvidos de modo a solucionar, de fato, o problema dessas pessoas. Consequentemente, a marca vai ocupar um espaço melhor na vida do cliente.

Isso se dá apenas porque o fabricante de um desinfetante bactericida, por exemplo, passou a gerar valor para a rotina dos consumidores.

Então, pensando nisso, se você não tem uma persona bem definida, corre o risco de transmitir uma mensagem para o público errado e simplesmente não atrair pessoas para o seu negócio.

Por fim, com uma persona bem definida, você saberá quais canais de comunicação deve usar para falar e se relacionar com os consumidores certos.

Vantagens da persona

Pois bem, se você ainda não se convenceu sobre a importância da persona para o seu negócio, confira algumas de suas vantagens:

Comunicar-se verdadeiramente com o público

Uma das maiores vantagens de criar a sua persona é que sua empresa vai se comunicar de verdade com as pessoas que se interessam pelo que ela faz.

É feita uma análise detalhada de como é o dia a dia dessas pessoas, como elas se engajam com as marcas, como e quando consome produtos, quais são suas dúvidas, desafios e planos e outros pormenores que já mostramos por aqui.

O importante é que você entenda que uma comunicação de verdade só se estabelece quando se sabe o que falar e para quem está falando.

Melhora as estratégias de e-mail marketing

Uma das estratégias mais importantes para qualquer empresa é o e-mail marketing. E se ele for personalizado, com base nas informações da persona, seus retornos são ainda melhores.

Ao personalizar o título do e-mail com um assunto de interesse de sua persona, a taxa de abertura aumenta e fica mais fácil guiar o lead durante o funil de vendas.

Conclusão

O consumidor moderno é individual e preza por empresas que saibam se comunicar com ele. Também gosta de sentir que as marcas estão atentas às suas necessidades, desejos e objetivos.

Nada melhor do que uma empresa, como um fabricante de rodas e rodízios, conhecer bem a sua persona. Todas as ações e estratégias serão voltadas para as pessoas certas, o que agrada o consumidor moderno e melhora os resultados.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.
Notícias Relacionadas »