09/03/2021 às 12h05min - Atualizada em 20/06/2021 às 00h00min

5 dicas para utilizar streaming sem ir à falência

Período de teste, divisão da assinatura e rodízio de serviços estão entre as alternativas para assistir filmes e séries preferidos sem pesar muito no bolso

SALA DA NOTÍCIA Ana Laura Souza

Não é difícil encontrar alguém que passe horas olhando os catálogos de streaming. Afinal, esses serviços de transmissão de filmes e séries estão cada vez mais em alta. Aqui, o grande desafio é arcar com os investimentos para acompanhar todos os últimos lançamentos. Sendo assim, a equipe da Allya, HR tech com foco em benefícios corporativos e bem-estar financeiro, separou as principais dicas para aqueles que desejam continuar vendo suas obras preferidas sem pesar no bolso.

Aproveite os períodos de teste 
Os streamings disponibilizam os conteúdos gratuitamente ao longo de sete dias no mês. Então, use ao máximo esse período para avaliar se vale a pena ou não pagar pela assinatura. 

Divida a assinatura 
Amigos são úteis em muitas ocasiões, inclusive no momento de dividir as assinaturas dos streamings. Ao se juntar a eles nessa jornada, é possível criar ótimas memórias em conjunto sem pagar muito por isso. Mas é importante cada um ter o próprio perfil para não ter confusão no acompanhamento dos conteúdos e estar atento ao limite de perfis e telas simultâneas permitido por cada serviço. 

Faça um rodízio
Maratonou a temporada daquela série que você esperou o ano inteiro? Então, chegou a hora de migrar para outro streaming.

Planeje-se 
Se acompanhar filmes e séries for verdadeiramente um hobbie, não há mal nenhum em investir nesse tipo de lazer, desde que haja uma organização financeira. Uma sugestão é encarar as assinaturas dos streamings como um gasto fixo no orçamento. Ou seja, ter em mente que o valor desse serviço deve ser suprido mensalmente. 

Gostou das alternativas? Então, fique de olho no Instagram da Allya para mais dicas sobre bem-estar financeiro: @allyabrasil.


Notícias Relacionadas »