28/07/2020 às 14h07min - Atualizada em 29/07/2020 às 00h01min

Destinos domésticos podem ser estratégia para início da recuperação do turismo

Tudo indica que essa recuperação terá início por meio de destinos curtos, com pequenas distâncias, e domésticos, além de lugares que representem raízes familiares

DINO
https://www.coobrastur.com/go/


O turismo irá, lentamente, retomar suas atividades, e tudo indica que essa recuperação terá início por meio de destinos curtos, com pequenas distâncias, e domésticos, além de lugares que representem raízes familiares, sossego e tranquilidade. Dessa forma, espera-se que o território nacional seja o mais visado.

A Abav (Associação Brasileira das Agências de Viagens) tem trabalhado em negociações de medidas econômicas para a manutenção e reabertura do turismo. A ideia é retomar as atividades assim que houver achatamento da curva de contaminação da covid-19. Por meio de novos protocolos de biossegurança, as primeiras agências de viagens, parques e hotéis começam a retomar os trabalhos.

"Novo turismo" deverá acompanhar medidas de segurança, mesmo após a pandemia

A Abav acredita que novas medidas de biossegurança e de restrições serão adotadas pelo setor mesmo após a pandemia, da mesma forma que as medidas de segurança sofreram alterações após ataques terroristas, como o 11 de setembro. Novos hábitos serão incorporados, o que melhorará a organização de viagens, trazendo maior sensação de limpeza, saúde e confiança para os viajantes.

Busca por voos nacionais tem 83% da preferência para o pós-pandemia

De acordo com dados coletados pela MaxMilhas, empresa que comercializa passagens e milhas aéreas, há uma acentuada procura por voos nacionais para o pós-pandemia. No estudo, ficou evidente que 83% da preferência dos futuros viajantes brasileiros é por destinos nacionais, o que se justifica, em partes, pelas restrições de fronteiras internacionais, além da preferência por distâncias mais curtas, visando satisfazer o anseio de encontrar amigos e familiares ou ter acesso ao lazer de forma mais rápida e fácil.

Até o momento, as cidades da região Nordeste são as mais visadas. No ranking, aparecem destinos como Fortaleza, Salvador, Natal, Recife e Maceió como sendo os de maior procura. Porto Alegre e São Paulo também tiveram destaque.

Neste momento, os viajantes brasileiros devem prezar pelo planejamento, já que, ao planejar uma viagem, é possível gerar maior economia sem ter que renunciar a passeios e vontades. Um novo olhar sobre viagens, que surgiu como solução para a organização de férias, folgas ou passeios, é a plataforma de viagens.

Assinatura de viagens traz novas possibilidades aos viajantes brasileiros

Com a retomada do turismo após a pandemia, surgem novos caminhos e oportunidades para planejar algum tipo de atividade, seja para passear, seja para rever familiares e amigos. A proposta da plataforma de viagens do GO!, por exemplo, pode se encaixar às necessidades de quem busca destinos domésticos, já investir em uma viagem visando maior tempo de planejamento e valores vantajosos pela antecedência, mas ainda não sabe quando poderá viajar.

O GO! é uma plataforma de viagens em que é possível adquirir créditos para viajar, mesmo sem ter uma data exata para a partida, o viajante resgata os e-tickets e os utiliza em um dos mais de 350 hotéis cadastrados em diversos lugares do Brasil. Por meio da assinatura na plataforma, o cliente tem a liberdade de viajar quando quiser.

Com o GO!, o viajante tem a possibilidade de fazer escolhas, como mudar de data, mudar de destino, remarcar ou adiar, sem que isso gere cobrança de multas ou transtornos. Basta respeitar um prazo de até 15 dias antes da data do início da hospedagem.

Ao navegar pelo site do GO!, é possível conhecer os benefícios de ser assinante GO!, os destinos disponíveis para viagens e mais sobre os hotéis parceiros cadastrados na plataforma.



Website: https://www.coobrastur.com/go/
Notícias Relacionadas »