23/03/2021 às 16h40min - Atualizada em 23/03/2021 às 18h20min

O desafio e as novas soluções de combate à fraude na publicidade digital

Para proteger os investimentos em mídia digital, é importante estar um passo à frente dos fraudadores na identificação de tráfego inválido e fraudes.

DINO
http://www.smartadserver.com
Publicidade Digital


A cada dia, os anunciantes perdem milhões devido ao tráfego fraudulento ou inválido. No ano passado, 77% de todo o tráfego fraudulento nos Estados Unidos foi classificado como tráfego inválido sofisticado e a eMarketer estimou que as perdas globais com fraudes publicitárias variaram de US$ 6 bilhões a US$ 42 bilhões. As tecnologias que geram transações fraudulentas estão em constante mutação na tentativa de escapar dos esforços do mercado para combatê-las.

O que é tráfego inválido (IVT)?
Tráfego inválido refere-se ao tráfego não gerado por consumidores em potencial ou tráfego que não permite a medição adequada de seu comportamento e engajamento. Isso aumenta artificialmente os custos de um anunciante ou os ganhos de um publisher. Esse tráfego pode ser intencional ou acidental por uma falha na implementação do anúncio, por exemplo.

Principais tipos de IVT
Geral (GVIT):
A maior parte do tráfego GVIT geralmente não envolve diretamente os anúncios de um site, mas ajuda o ecossistema a medir, iterar e melhorar como rastreadores e bots. Idealmente, o GVIT deve ser removido da veiculação e medição de anúncios para garantir que os dados e análises do publisher não sejam afetados.

Sofisticado (SVIT):
O tipo de fraude mais conhecido quando se refere ao tráfego inválido, o SVIT é mais sofisticado e mais difícil de identificar, pois os fraudadores estão constantemente evoluindo seus padrões, técnicas e esquemas para parecerem legítimos.

Isso inclui:

● Bots, spiders ou outros rastreadores disfarçados de usuários legítimos;
● Dispositivos sequestrados, sessões de usuário, tags de anúncios e peças criativas;
● Veiculação de anúncios oculta, empilhada, coberta ou ofuscada de outra forma intencionalmente;
● Manipulação incentivada de medições.

Desafios do IVT
Conforme o número de dispositivos, plataformas, serviços e aplicativos se expande, o ecossistema de publicidade encontra mais complexidade, dados e riscos diariamente. Toda esta fragmentação no cenário apresenta uma oportunidade adicional para fraude e não é surpresa que o tráfego mobile e a TV Conectada (CTV / OTT) sejam classificados como os dois segmentos de maior risco.

No ano passado, a White Ops anunciou uma investigação sobre a ICEBUCKET, uma das maiores operações de fraude de publicidade da CTV até o momento. O esquema operado em 30 países foi responsável por 28% do tráfego programático de CTV em seu pico.

Combatendo o IVT
Embora seja impossível eliminar completamente a IVT, existem várias ferramentas que podem ajudar em seu combate. As empresas da cadeia de publicidade digital devem garantir que estão trabalhando com um parceiro que utiliza ferramentas para monitorar continuamente a qualidade do tráfego.

A Smart Adserver e a White Ops estão trabalhando juntas para oferecer soluções seguras para o combate à fraude digital, combinando monitoramento contínuo da qualidade do tráfego, identificação de fontes danosas e padrões usados em tentativas de fraude, além de realizar ajustes constantes na plataforma para permitir que o inventário de qualidade se destaque.

A integração da solução da Smart Adserver com a White Ops é a primeira a receber o credenciamento para cobertura de ponta a ponta contra SVIT para desktop, web móvel, aplicativo móvel e CTV do Media Rating Council, organização americana que promove a segurança nos meios digitais definindo os padrões do mercado e realizando auditorias independentes.

Camadas de especialização
Mas ter as ferramentas certas é apenas uma parte das soluções para proteger os investimentos. É importante que os parceiros de tecnologia trabalhem uma combinação de políticas, processos e ferramentas para construir uma base sólida no combate eficaz à fraude.

Antes de uma integração, é importante conduzir auditorias internas do inventário. A verificação avançada permite a negação de solicitações de agentes mal-intencionados imediatamente identificáveis e já adiciona uma camada de proteção ao ecossistema.

Também é fundamental que seu parceiro de tecnologia conheça as iniciativas de política mais recentes e realize as atualizações. Recentemente, o setor se alinhou para combater o IVT por meio de esforços múltiplos e coordenados, como estabelecer o padrão do Media Rating Council, além das iniciativas ads.txt, sellers, json e SCO do IAB.

Todas essas diretrizes dificultam a monetização das ações fraudulentas e tornam o ambiente de publicidade digital mais saudável e seguro.



Website: http://www.smartadserver.com
Notícias Relacionadas »