23/03/2021 às 09h18min - Atualizada em 23/03/2021 às 10h20min

Principal feira de artigos para casa e decoração é adiada para fevereiro de 2022

Evento seria realizado de 12 a 16 de abril de 2021, no Expo Center Norte, em São Paulo

DINO
https://abcasa.org.br/


Devido ao cenário crítico da pandemia de Covid-19 que o Brasil vive hoje, somado às determinações do Governo do Estado de São Paulo para conter as contaminações, a ABCasa (Associação Brasileira de Artigos para Casa, Decoração, Presentes, Utilidades Domésticas, Festas e Flores) anuncia o adiamento da sétima edição da ABCasa Fair, que seria realizada de 12 a 16 de abril de 2021, no Expo Center Norte, em São Paulo.

De acordo com a Entidade, o evento deverá ocorrer em fevereiro de 2022, em nova data a ser definida e divulgada em breve. Vale lembrar que a feira é realizada duas vezes por ano, em fevereiro e agosto, e esse adiantamento se refere ao evento do primeiro semestre.

Como associação oficial do setor, A ABCasa vem lutando desde a ABCasa Pocket Show, que aconteceu em outubro de 2020, para realizar a ABCasa Fair presencialmente, com o objetivo de reaquecer o setor e auxiliar todas as frentes envolvidas, como fornecedores, parceiros, expositores, lojistas e toda a cadeia do setor de eventos. Foram muitas negociações, desdobramentos e adaptações para que o evento acontecesse de forma 100% segura a todos.

"Mesmo sabendo que a realização da feira seria importante para o segmento, colocamos a segurança dos nossos visitantes, expositores, fornecedores e colaboradores em primeiro lugar sempre. No ano passado, entregamos a ABCasa Pocket Show, que movimentou o mercado sem deixar de seguir nenhum protocolo de segurança. Hoje o cenário é diferente, por isso decidimos por adiar a sétima edição da ABCasa Fair", explica o presidente da ABCasa, Eduardo Turqueto.

O faturamento do setor de artigos para casa e decoração em 2019 foi de R$ 83,8 bilhões, o que representou 1,13% do PIB. No período, as 20.800 unidades produtivas geraram 342 mil empregos diretos e indiretos. Para este ano, as estimativas preliminares apontam para um crescimento de 3,8 % nas vendas do varejo de artigos para casa, em valores nominais, quando comparados com 2020.

“Esperamos que as políticas de vacinação e os cuidados da população possam ajudar a tirar o Brasil desse cenário conturbado e que o setor de casa e decoração possa respirar aliviado ainda em 2021”, completa Turqueto.

Enquanto isso, a Associação continuará trabalhando para oferecer alternativas de negócios para auxiliar seus associados e o mercado, como o lançamento da plataforma virtual Vitrine ABCasa.

Novas atualizações sobre a feira podem ser obtidas através do site www.abcasafair.com.br.



Website: https://abcasa.org.br/
Notícias Relacionadas »