29/09/2020 às 17h39min - Atualizada em 29/09/2020 às 17h51min

Lojistas recuperam mais de R$ 6,7 milhões em vendas em agosto, de acordo com F360°

Indicador Recuperômetro, elaborado pela fintech, mostra também um valor recuperado de quase R$ 80 milhões desde a criação, em 2019

DINO


A consolidação de novos meios de pagamentos no varejo brasileiro manteve alta taxa de recuperação financeira dos lojistas em agosto. O levantamento é do Recuperômetro, indicador feito pela F360°, plataforma de gestão financeira com conciliação automática de vendas por cartão para o pequeno e o médio varejista.

Em agosto de 2020, as lojas e os pontos de venda que utilizam a solução da empresa conseguiram resgatar R$ 6.716.323,50 nas vendas efetuadas por meio de cartão de crédito. Ainda que tenha ficado abaixo do total recuperado em julho, é o segundo mês com melhor aproveitamento no ano.

Se levar em conta os oito meses de 2020, o total recuperado no acumulado do ano é de R$ 28.893.144,15. Desde o início do levantamento, o valor total é de R$ 79.684.057,50. O Recuperômetro é um indicador da F360° que exibe o valor financeiro recuperado pela plataforma.

Compras efetuadas com cartão de crédito sem passar por conciliação nas vendas representam um risco grande para o varejista, que pode pagar taxas adicionais. Com o apoio da plataforma da F360°, é possível, por exemplo, integrar o serviço com conciliação bancária, fluxo de caixa, DRE (Demonstrativo do Resultado do Exercício), entre outras funcionalidades.

"Os dados reforçam o novo momento do varejo brasileiro provocado pela pandemia de covid-19. A retomada do comércio em agosto, com o Dia dos Pais, fez os lojistas voltarem aos poucos à rotina normal, o que explica a queda em relação ao mês anterior. Contudo, eles seguem operando com novos meios de vendas, como transações digitais, o que mantém o valor recuperado em destaque no ano", explica Henrique Carbonell, CEO da F360°.

Notícias Relacionadas »